logo_aliança_png.png

No dia 25 de janeiro de 2019, assistimos incrédulos o rompimento da barragem do Córrego do Feijão, situada na cidade de Brumadinho. Ainda abalados pelo acontecido em Mariana, e atônitos pela magnitude da tragédia repetida, começamos a nos mobilizar.

Nesse mesmo dia, unidos em torno de uma campanha de captação de recursos, formou-se uma aliança de organizações socioambientais para auxiliar as comunidades afetadas pela lama. Juntos, construímos o Fundo Regenerativo Brumadinho (originalmente Fundo Aliança Brumadinho). O projeto, cuja meta inicial eram R$ 10.000, atingiu R$60.000 no primeiro dia de captação. Ao final da campanha, chegamos a R$ 133.000 para fornecimento de recursos de emergência e sobretudo apoiar a regeneração em médio e longo prazo. Para possibilitar uma ação minimamente proporcional ao tamanho do desafio a nossa frente, continuamos captando aqui e aqui.

 

Os recursos foram captados de modo a estarem disponíveis para investimento ágil e eficiente, desburocratizado e com total transparência.

Mais do que isso, e fazendo jus ao próprio nome, o fundo visa nutrir a ação de uma aliança de diversos atores — organizações, coletivos e indivíduos — em prol de Brumadinho.

Um resumo da primeira semana após o desastre pode ser encontrado nesta nota sobre as ações emergenciais que tomamos.

 

ENTÃO, QUAL É O PLANO AGORA?

Estamos utilizando o fundo para viabilizar iniciativas da sociedade civil em prol de Brumadinho. Acreditamos que só uma ação concertada entre diversos atores da sociedade será capaz de mitigar os problemas gerados pela tragédia: mortes, danos estruturais e ao meio ambiente, animais feridos, perda de empregos, traumas emocionais, vulnerabilidade social, impunidade, injustiça e outros tantos.

Convidamos todas pessoas interessadas em oferecer alguma ajuda a Brumadinho, e que necessitam de recursos, a submeter propostas ao Fundo:

Por meio da plataforma cedida pela Awesome Foundation , estamos recebendo as propostas de toda a sociedade civil que possa contribuir com o processo de regeneração.

Moradores de Brumadinho e comunidades impactadas que precisem de ajuda, além de instituições com e sem fins lucrativos, coletivos ou mesmo indivíduos, que tenham por objetivo ajudar Brumadinho, estão convidados a enviar projetos. O cadastro é simplificado e desburocratizado. Propostas são selecionadas em parceria com a comunidade, de acordo com a necessidade (demanda) local e o impacto socioambiental da ação.

CURADORES DO FUNDO E SEUS CRITÉRIOS

O Conselho de Curadores do Fundo Regenerativo Brumadinho, responsável pela alocação ágil de recursos em projetos de desenvolvimento ou ações assistenciais, é composto por membros de grupos locais, associações comunitárias, iniciativas emergentes e lideranças de Brumadinho, além de integrantes dos círculos auto-gestionados que dão sustentação ao fundo: Território , Sociedade (prospecção de soluções), Recursos e Comunicação.

 Quer receber notícias da Aliança?

Se inscreva abaixo:  

Coletivo MICA - Mídia, Cultura, Identidade e Arte

Escritório R. Pref. Jadir Macedo, 15 - Vila do Carmo, Mariana - MG

coletivomica@gmail.com